Racionalidade

A epidemia, em essência, é um arranjo dos Deuses, é um fator inevitável no desenvolvimento da história. Quando o coração das pessoas fica ruim elas contraem carma, obtêm doenças e passam por calamidades. Nesse momento, as pessoas que não acreditam nos Deuses irão tomar certas medidas (em chinês se pronuncia “tsuo shi”). A pronúncia desse termo em si já está te dizendo: “tsuo shi” é uma implementação (“shi shi”) errada (“tsuo wu”). Houve várias lições positivas na história, mas é tudo por causa do pensamento ateísta que os chineses de hoje adquiriram após a lavagem cerebral do perverso partido comunista chinês, que faz as pessoas não acreditarem nos Deuses e nas lições da história.

Palestra sobre dança clássica chinesa da Fei Tian College

O que é a “dança clássica chinesa”? Vamos falar sobre seus fundamentos. Seus movimentos e poses (shen-fa)1 têm raízes antigas nas artes marciais e no fato de que o nome para artes marciais (wu, como em wu-shu) é pronunciado da mesma forma que a palavra dança (wu, como em wu-dao)2. Esse uso dual foi posto em prática pelo divino. Enquanto isso, o sentimento (shen-yun)3 dos movimentos de dança clássica chinesa vem principalmente dos movimentos tradicionais da ópera chinesa4. No início, a dança clássica chinesa era na verdade chamada de “dança operística”. Então, por que algumas pessoas dizem que a dança clássica chinesa é uma nova forma de dança criada pela Academia de Dança de Pequim? Os movimentos e poses (shen-fa) [que a Academia de Pequim ensina] realmente vêm das artes marciais e da ópera também. Mas, [no passado], a fim de tornar a dança apropriada para o ensino em uma escola de artes e para fazer com que pareça mais compatível com os conceitos modernos de como a dança deveria ser, a Academia de Pequim adotou alguns dos níveis de métodos de treinamento do balé para os fundamentos da dança. Quanto à parte dos saltos acrobáticos (tan-zi-gong)5 da dança clássica chinesa, esta é ainda mais enraizada nas várias formas de arte que tradicionalmente têm feito parte da cultura chinesa há milhares de anos. Para deixar claro, a Academia de Dança de Pequim não criou a dança clássica chinesa. O que ela criou é o termo “dança clássica chinesa”. Ela pegou o nome original, “dança operística chinesa”, e o mudou para “dança clássica chinesa”.

Artigos de hoje9 de Setembro de 2019

Artigos do dia anterior   |   Ver arquivo

México: Novos praticantes sentem-se enriquecidos após assistirem ao seminário de nove dias do Falun Dafa

Após o feedback positivo do seminário realizado em maio em Puebla, foi realizado no final de julho de 2019, na Cidade do México, um seminário de nove dias de palestras do Falun Dafa.

Austrália: Praticantes de Queensland compartilham como melhoraram enquanto desempenhavam os seus deveres com responsabilidade

Os praticantes do Falun Gong em Queensland reuniram-se no Sunnybank Hall de Brisbane a 25 de agosto de 2019 para trocarem as suas experiências.

Pais de alunos defendem professora protegendo-a da perseguição de sua fé

No outono de 2001, após ser denunciada por divulgar informações sobre a perseguição ao Falun Dafa, fui transferida para lecionar em uma escola remota em uma aldeia nas montanhas. Esta é uma escola muito pequena.

Notícias recentes

© Copyright Minghui.org 1999-2020