(Minghui.org) Durante quase duas décadas, jovens praticantes do Falun Gong se dedicam a apresentar, em câmpus universitários ao redor do mundo, esta antiga prática de cultivo chinesa aos estudantes e professores, ao mesmo tempo que os conscientizam do fato de estarem sendo perseguidos na China. Os relatos que se seguem abrangem eventos em cinco câmpus universitários americanos nas últimas semanas.

Universidade de Columbia, Nova York

Nos dias 4 e 5 de abril, membros do Clube do Falun Gong da Universidade de Columbia distribuíram folhetos e informaram as pessoas sobre a colheita forçada de órgãos de praticantes do Falun Gong e outros presos de consciência, sancionados pelo estado na China. Muitas pessoas no campus já estavam cientes da perseguição e demonstraram seu apoio, incluindo vários chineses.

Evento do Falun Gong na Universidade de Columbia

No evento, um chinês disse aos praticantes que saíssem, dizendo que estava se realizando uma conferência Estados Unidos - China, em um prédio próximo e os participantes chineses podiam ver os praticantes. Ele disse que isso o envergonhava. Os praticantes falaram com ele pacientemente sobre a perseguição. O homem acalmou-se e disse-lhes que ele realmente concordava com os ensinamentos do Falun Gong de Verdade-Compaixão-Tolerância.
O Sr. Liu, um turista chinês, ficou feliz por ver o Falun Gong no campus. Ele conversou longamente com os praticantes.
"É muito bom que vocês, jovens, falem com as pessoas sobre o Falun Gong. Bravo! ", disse ele. O Sr. Liu sabe quão brutal é a perseguição na sua cidade natal. "Não posso acreditar que a polícia ainda siga as políticas de perseguição. Eles precisam ver a tendência e pensar sobre seu próprio futuro. Eles serão levados à justiça.

"Em 1999, o Partido Comunista afirmou que eles poderiam eliminar o Falun Gong em três meses. O que dizem agora! Para onde quer que eles vão no estrangeiro, eles irão encontrar o Falun Gong. Vocês são ótimos. "Antes de partir, o Sr. Liu acrescentou: "O Partido Comunista é o verdadeiro culto do mal. O Falun Gong é a esperança da China. Mantenha-me informado sobre as vossas atividades. Vou tentar o meu melhor para fazê-lo. O Falun Gong segue o princípio celestial, por isso vocês têm apoio. O Partido Comunista está contra o céu, então eles perderam o apoio".

Universidade de Purdue, Indiana

No Festival da Primavera de 2017 no campus da Universidade de Purdue em 8 e 9 de abril, praticantes do Falun Gong realizaram um seminário gratuito dos exercícios. Estudantes interessados, professores e visitantes do campus aprenderam os movimentos suaves e os ensinamentos desta prática de cultivo.

Aprendendo os exercícios do Falun Gong no Festival de Primavera da Universidade de Purdue.

O Festival de Primavera, o maior evento anual no campus, atrai mais de 30 mil visitantes todos os anos.
No gramado em frente ao Memorial Hall, muitas pessoas paravam no estande dos praticantes. Algumas delas visitaram-no novamente no dia seguinte, tendo levado os folhetos do Falun Gong no dia anterior. Muitas delas deixaram o endereço de email e se inscreveram para o seminário gratuito no Happy Hollow Park nos fins de semana.

Muita gente já tinha ouvido falar do Falun Gong. Uma garota do ensino médio disse que sua professora havia falado sobre a perseguição em sua aula de estudos sociais. Esta foi a primeira vez que ela entrou em contato com o Falun Gong pessoalmente. Ela pegou uma pilha de material do Falun Gong para seus colegas de classe e professora.
A Universidade de Purdue tem uma das maiores comunidades de estudantes chineses nos EUA, com mil calouros chineses todos os anos. Muitos chineses também pararam no estande dos praticantes, e alguns estavam bem informados sobre a perseguição. Eles foram muito encorajadores, dizendo coisas como, "Bem feito. Vocês deveriam realizar mais eventos como este, para que mais pessoas saibam o que está acontecendo na China."

Universidade Rochester, Michigan

Desde 2006, os praticantes do Falun Gong em Michigan foram convidados todos os anos a falar na aula de Religião Mundial ministrada na Universidade Rochester. Embora o curso tivesse um novo instrutor no ano passado, a apresentação do Falun Gong mantém-se no currículo do curso.

Universidade Rochester, Rochester Hills, Michigan

Nos dias 7 e 20 de abril, o instrutor do curso, o Prof. Manry, convidou os praticantes a dar duas palestras.
Os praticantes falaram sobre o que o Falun Gong ensina - Verdade - Compaixão - Tolerância, sobre os exercícios e sobre a perseguição na China. Eles também falaram sobre suas próprias experiências de cultivo, tal como olhar para dentro para as próprias falhas durante os conflitos e tratar os outros com compaixão.
Os alunos aprenderam os cinco exercícios e fizeram 20 minutos de meditação.
Os praticantes enfatizaram que o cultivo do Falun Gong é feito "no mundo real". Os praticantes têm famílias e empregos e atividades sociais. O cultivo, explicaram, refere-se a melhorar-se nos conflitos sociais diários e corrigir os próprios pensamentos, tais como a inveja.
Os estudantes fizeram muitas perguntas e a palestra de uma hora foi ampliada para duas horas e meia.
Em sua nota de agradecimento, o Prof. Manry disse que os praticantes deixam sempre uma impressão positiva, e ele esperava vê-los novamente no próximo ano.

Universidade de Califórnia, Davis

No dia 22 de abril, a banda Tian Guo do Falun Gong tocou no 103º Desfile do Dia do Piquenique no campus da UC Davis. Foi a quinta vez que os espectadores puderam apreciar o Falun Gong neste evento anual.