Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Nenhum esforço racional para salvar seres sencientes é feito em vão

1 de Abril de 2021 |   Por um praticante de Istambul, Turquia

(Minghui.org) Em março de 2020, o coronavírus começou a causar danos no mundo todo e muitos países entraram em quarentena um após o outro, sendo que um deles foi o meu país, a Turquia. Por causa do toque de recolher obrigatório, regras de distanciamento social e do medo das pessoas com o contágio; os praticantes locais estavam tentando apresentar novas ideias sobre como aumentar a conscientização sobre o Falun Dafa e a perseguição na China.

Os praticantes de um país começaram a fazer os exercícios do Falun Dafa nas redes sociais. Organizamos para fazer o mesmo, mas senti que devíamos ter mais cuidado com essa apresentação, pois nada parecido havia sido feito antes.

Preparamos um discurso informando que somos apenas voluntários e que a prática tem apenas um Mestre, Li Hongzhi. Direcionamos as pessoas para o site oficial do Falun Dafa, depois apresentávamos ensinando os exercícios online.

Comecei a participar da demonstração dos exercícios online na segunda vez que apresentamos. Quando transmitimos, uma média de mais de 200 pessoas assistiram e este número atingiu mais de 2.000 em 24 horas. Antes, não poderíamos ter alcançado a tantas pessoas em tão pouco tempo, com nenhuma de nossas atividades. Sabia que o Mestre nos encorajava, mas vinha insistente um pensamento inconveniente: "E se estivermos fazendo algo de errado?”

Um sonho muda minha perspectiva

Tive um sonho antes da demonstração do exercício seguinte. No sonho, um enorme navio de cruzeiro descia do alto da minha rua para frente da minha casa, em cima dele estavam milhares de pessoas que acenavam e sorriam para mim. Pareciam que me agradeciam enquanto eu as observava de dentro de minha casa.

Depois de acordar, senti que o Mestre deu um sinal. Todas as perguntas na minha mente tinham desaparecido, me senti tranquilo.

O Mestre nos ensinou:

"Enquanto validam o Fa, sem importar a forma que os discípulos do Dafa utilizam para salvar seres conscientes, vocês estão validando o Fa e avançando no caminho de esclarecer os fatos. Estão fazendo cada vez melhor, e também estão sendo mais e mais racionais." ("Ensinando o Fa na Conferência do Fa de 2002 da Filadélfia, EUA”)

No meu entendimento, seja qual for o método que usamos, desde que sejamos racionais em ajudar as pessoas a serem salvas, terá um grande impacto e nenhum dos nossos esforços será em vão.

Na semana seguinte tive outro sonho: Novamente revi a rua onde vivia, mas estava vazia por toda parte. Consegui ouvir alguns seres conversando no céu, mas não consegui vê-los nitidamente. Eles apontaram para minha rua e disseram: "Vejam, esta é a única rua em Istambul que não há ladrões!"

Quando envio pensamentos retos, também os envio para as pessoas ao meu redor, elevando o pensamento de que os demônios que induzem as pessoas a fazerem coisas más perecerão. Ás vezes me preocupava se era certo o que fazia, porque muitos colegas praticantes disseram que só devíamos dirigir nossos pensamentos para a China continental e não pensar em mais nada. Depois desse sonho, deixei de me preocupar. Naturalmente, concentro meus pensamentos na China e na destruição de todas as velhas forças e demônios. Mas, ao mesmo tempo, envio pensamentos retos para destruir o mal em nossa região.

O Mestre nos ensinou:

"... os verdadeiros Budas são guardiões do Cosmo e são responsáveis por todos os elementos retos no Cosmo." ("Ensinando o Fa na Conferência do Fa do Ocidente dos EUA")

O que vi na Itália

Assisti à apresentação do Shen Yun pela segunda vez em Florença, Itália, antes da véspera do Ano Novo de 2020. Os ingressoss estavam todos esgotados e eu tinha certeza de que estavam esgotados por toda a Itália. Mas, infelizmente, durante a pandemia, a Itália recebeu o primeiro grande golpe, por ter cometido um grande erro ao confiar no Partido Comunista Chinês.

Senti compaixão pelas pessoas de lá. "O Shen Yun atua na Itália quase todos os anos," então pensei: "Não há salvação para essas pessoas?" Dei brechas para noções humanas. Depois daquela noite, tive outro sonho: Estava em um país incomparável em sua beleza. As árvores, as flores e a vegetação nunca pareceram tão vivas e saudáveis. Era como se tudo estivesse intensamente resplandecente. Senti instintivamente que estava na Itália naquele momento.

Quando acordei, pensei que em outra dimensão, a Itália estava limpa de quase toda sua imundície e sendo abençoada de uma forma muito grande e que os eventos que ocorriam atualmente eram os últimos demônios, que estavam sendo eliminados. Pensei: "Embora o governo do PCC seja mau, ele não pode representar o povo chinês. O mesmo se aplica à Itália e até mesmo a outros países. Muitas vidas foram salvas e um grande futuro os aguarda".

Esse relato são minhas próprias experiências. Se vir algo que não é apropriado, por favor, aponte-o com compaixão.