Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

O Departamento de Alimentos e Higiene Ambiental de Hong Kong assedia os praticantes do Falun Gong

6 de Fevereiro de 2021 |   Por um praticante do Falun Dafa em Hong Kong

(Minghui.org) Os praticantes do Falun Gong foram assediados pelo Departamento de Higiene Ambiental e Alimentar de Hong Kong (FEHD) em 29 de janeiro, quase um mês depois que a Associação da Juventude de Hong Kong (um grupo sob o controle do Partido Comunista Chinês) foi desmantelada em 31 de dezembro de 2020.

Os praticantes em Hong Kong têm esclarecido os fatos sobre o Falun Gong e a perseguição aos residentes e turistas realizando atividades ao ar livre, desde o início da perseguição em 1999. A Associação Juvenil de Hong Kong assediou continuamente os praticantes do Falun Gong, mas a organização foi desmantelada no último dia de 2020.

Mais de 20 funcionários da FEHD foram à Rua Argyle Mong Kok às 9h e disseram aos praticantes do Falun Gong para pararem de colocar seus painéis e expositores. Eles disseram a uma praticante do local, a Sra. Fang, que o departamento recebeu uma reclamação de um residente e que os praticantes têm que solicitar uma licença do Departamento de Terras.

O Departamento de Higiene Ambiental e Alimentar de Hong Kong (FEHD) tentou impedir os praticantes do Falun Gong de colocar painéis e expositores na Rua Argyle Mong Kok na manhã de 29 de janeiro de 2021.

A Sra. Fang respondeu que eles realizaram atividades lá por muitos anos e que solicitaram uma licença, mas nenhuma lei se aplica à sua solicitação.

Um membro da FEHD solicitou que os praticantes passassem a simplesmente segurar as faixas. Vários membros da FEHD lavaram a rua enquanto um gravava um vídeo. Os membros da FEHD saíram após uma hora.

Muitos transeuntes expressaram seu apoio aos praticantes do Falun Gong. Um residente disse: “Vocês devem persistir. O que essas pessoas dizem é um absurdo. Não deixe que eles incomodem vocês. O Falun Dafa é bom!”

Essa não é a primeira vez que FEHD assediou um local de informações do Falun Gong. O departamento confiscou alguns painéis e expositores em 2013. Dois praticantes apelaram. O caso ainda está no Tribunal de Última Instância e será ouvido em abril de 2021.

Embora a Associação Juvenil de Hong Kong tenha sido desmantelada, alguns ex-líderes da associação, como Xiao Xiao-rong e Zhang Liu-qing, continuam a assediar os praticantes do Falun Gong.

Alguns ex-líderes da Associação Juvenil de Hong Kong que perseguiram os praticantes do Falun Gong por muitos anos. Do canto superior esquerdo: Presidente Hong Wei-cheng, presidente Yang Jiang, diretor do departamento de propaganda Xiao Xiao-rong, Zhang Liu-qing, vice-presidente Chen Jin-bao.