Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Não retroceda sempre que encontrar problemas

4 de Fevereiro de 2021 |   Por um praticante do Falun Dafa na China

(Minghui.org) No artigo do Minghui "Ressurreição de Deus", um praticante do Falun Dafa relatou o que seu amigo viu em outra dimensão.

"Há muito tempo, em um alto nível do céu, o Mestre e dois de seus discípulos estavam assistindo a uma batalha entre os deuses retos e os malvados demônios. Esta batalha foi travada de forma extremamente feroz. Os deuses retos morreram um após o outro e não restaram muitos. Um dos discípulos se ajoelhou e implorou ao Mestre: "Por favor, pare a batalha. Caso contrário, todos os deuses irão embora". O Mestre não respondeu. Pouco depois, todos os deuses morreram. A batalha acabou. O Mestre disse aos seus discípulos: "Na verdade, é por meio desta batalha que os deuses retos são consumados, renunciando a tudo pela verdade do universo". O Mestre então deu nova vida aos deuses retos e todos eles ressuscitaram".

Depois de ouvir isso do seu amigo, o praticante se perguntou: "Se houver guerra no mundo humano, quantas pessoas estariam dispostas a desistir de suas vidas pela verdade? Quando houve uma batalha tão feroz entre o bem e o mal nas eleições americanas, aqueles praticantes que não haviam estudado o Fa com determinação suficiente se desiludiram e ficaram desmoralizados. Alguns questionaram o editorial Minghui que apontava especificamente que deveríamos apoiar o Trump. E outros até começaram a ter dúvidas sobre o Dafa".

O praticante também escreveu que, talvez, quando esses praticantes viram que os Estados Unidos foram infiltrados pelo espectro comunista e a nova administração possuía laços estreitos com o Partido Comunista Chinês a um ponto que ninguém defenderá a justiça para o Dafa, seus discípulos nos Estados Unidos poderão sofrer retaliação porque apoiaram o Trump. Portanto, esses praticantes perderam a esperança e a confiança no Dafa e no Mestre.

Lendo o compartilhamento desse praticante, percebi que não é algo que diz respeito apenas aos praticantes nos EUA. Também representa uma questão séria e muito prática para nós na China: o que devemos fazer depois que a superfície do universo perder o equilíbrio?

Eu compreendi que costumávamos ter um entendimento limitado das coisas e do universo antes de aprendermos o Dafa. Por exemplo, nossa percepção do Taiji era preto e branco, o olho preto do Taiji era branco, o olho branco do Taiji era preto. No entanto, o Mestre esclareceu que ambos os olhos de Taiji no emblema do Falun são transparentes, sendo um olho vermelho na parte superior e preto na parte inferior e outro vermelho na parte superior e azul na parte inferior. A partir disso, percebi que o equilíbrio superficial ou desequilíbrio do universo está sob o controle do Fa, mesmo no nível mais alto.

Para que os praticantes de Dafa realmente vivem?

A eleição nos Estados Unidos e as reações de outros praticantes também me levaram a pensar sobre o que exatamente estamos vivendo e cultivando.

Eu sei que mesmo depois de alguns praticantes terem assumido o Dafa, eles ainda não entendem verdadeiramente o Fa e continuam a viver em função da reputação ou lazer. Quando alguns são presos ou mesmo condenados, podem ter todos os tipos de pensamentos que vêm à tona e se agarram ao seu sentimentalismo.

Diante do caos da eleição, alguns praticantes defenderam a "política de mão pesada", alguns insistiram em "lei e ordem", alguns preferiram "democracia e liberdade", alguns ficaram entusiasmados com um "sistema republicano", alguns atacaram os "vândalos de extrema esquerda" e alguns chamaram os "bandidos de direita". Realmente é difícil distinguir quem está certo e quem está errado.

O Mestre nos ensinou:

Sem importar o quanto diga, vocês ainda devem transitar o caminho do cultivo por si mesmos. Transitar bem esse caminho e progredir até o final – nada é mais extraordinário. Digo isso porque durante essa viagem, terão dificuldades, provas de todos os tipos, tribulações imprevistas, terão interferências inesperadas provindas de toda classe de apegos e qing. As interferências virão da família, sociedade, bons amigos e até dos companheiros praticantes. Junto com isso, há a interferência das mudanças no estado da sociedade humana e das noções humanas que foram formadas na sociedade. Todas essas coisas podem arrastá-los novamente ao estado de pessoa comum. Porém, se puderem superar tudo isso, poderão avançar para a divindade. ("Ensino do Fa no Fahui Internacional do Oeste dos Estados Unidos").

Sinto que a orientação neste ensinamento do Fa é particularmente profunda e específica. Entendo que o Mestre quis nos lembrar que não devemos ser interferidos por nossas noções humanas. E tais noções podem não vir necessariamente apenas da perseguição, mas também de nossas famílias, parentes, amigos, colegas praticantes e da sociedade.

Quando avaliei e pensei sobre isso à luz do Fa, para mim, o estado da sociedade e os indivíduos não eram mais "difíceis de distinguir".

Então, para que nós, praticantes do Dafa, vivemos afinal? Vivemos para cumprir a nós mesmos e a missão que assumimos no Fa. Não importa qual seja a situação no mundo, devemos estar tranquilos, lúcidos e inabaláveis.

Estude o Fa e elimine a noção de luta

Infiltração, ruptura, desintegração e substituição são as qualidades do Partido Comunista. Além de enganar, incitar e violar, eles têm muitos truques na manga. O Partido Comunista Chinês é particularmente habilidoso em se infiltrar. Leia as táticas do PCC discutidas nos Nove Comentários sobre o Partido Comunista e pense sobre a situação atual nos EUA. Não é semelhante?

Então, Trump poderia ter resolvido esse problema da infiltração comunista? Mesmo se ele usasse seu poder presidencial para tomar uma ação "relâmpago", ele não teria sido capaz de resolver o problema raiz. (Claro, ele poderia fazer isso para restaurar a estabilidade da sociedade rapidamente, mas ele não escolheu essa opção.) Os seres humanos têm um estado humano e os praticantes do Dafa são diferentes, e devemos ser capazes de compreender a solução fundamental para o complexo ambiente da sociedade.

Ao estudar a seção "A capacidade sobrenatural da visão remota" no Zhuan Falun, percebi que as funções humanas são limitadas por níveis e que os pensamentos humanos são instáveis no nível mundano, somente quando as pessoas ultrapassam e alcançam o nível de Arhat ou superior, os pensamentos humanos podem ser estabilizados. Portanto, para ver a verdade das coisas de uma forma mais estável enquanto cultivamos entre as pessoas comuns, só podemos contar com o poder do Fa para alcançar isso.

Em outras palavras, devemos estudar o Fa e ir além do domínio das pessoas comuns, a fim de realmente aprender a conotação do Fa e ver a essência do problema.

O Partido Comunista é um espírito maligno que é contra a natureza e a humanidade

Os Nove Comentários cita: "Ao contrário do regime comunista, as sociedades não comunistas, mesmo aquelas que sofrem sob um rígido regime totalitário e ditatorial, muitas vezes permitem algum grau de auto-organização e autodeterminação. A antiga sociedade chinesa era governada de acordo com uma estrutura binária. Nas regiões rurais, os clãs eram o centro de uma organização social independente, enquanto as áreas urbanas eram organizadas em torno de comunidades locais. O governo de cima para baixo não se estendia abaixo do nível do condado".

"Mesmo o regime do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães (Nazista), talvez o regime mais cruel sob uma ditadura diferente da dos partidos comunistas, permitia o direito à propriedade privada. Os regimes comunistas erradicam quaisquer formas de organização social ou elementos independentes do partido, substituindo-os por estruturas de poder altamente centralizadas de cima para baixo. Se as estruturas sociais de baixo para cima permitem a autodeterminação natural de indivíduos ou grupos, então o regime comunista pela sua essência se opõe a este estado natural da sociedade".

Quando estudei a seção "A capacidade sobrenatural de suming tong" no Zhuan Falun, percebi que o Partido Comunista é uma criatura maligna que é contra o Dafa. Se ainda não conseguimos entender este ponto, será difícil entender os Nove Comentários, muito menos o Zhuan Falun.

É porque consideramos a "natureza" mencionada em "Explicando o Fa" do Mestre (Essenciais para avanço adicional) como um estado real e normal que não podemos ir além da humanidade. Assim como Porcoso no romance Jornada para o Oeste, sempre que encontrava problemas e dificuldades, ele sempre falava sobre a separação do time e a volta para sua cidade natal na Vila de Gao.

Se realmente conseguirmos transformar a noção de luta humana, poderemos ter uma nova compreensão da sociedade humana e ver que a humanidade foi enganada e que o Grande Criador, ansiosamente, está esperando que a humanidade supere o controle do espectro comunista e desperte para sua consciência.

Para nós, discípulos do Dafa, somente quando tivermos uma compreensão clara do estado atual das coisas, poderemos ajudar melhor o Mestre a salvar os seres conscientes e cumprir nossa missão.