Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Duas mulheres de Hebei são condenadas à prisão por distribuir informações sobre o Falun Gong

28 de Janeiro de 2021 |   Por um correspondente do Minghui na província de Hebei, China

(Minghui.org) Enquanto as pessoas ao redor do mundo comemoravam a chegada de 2021, dois residentes da cidade de Baoding, província de Hebei, foram condenados à prisão no último dia de 2020 por causa de sua fé no Falun Gong, uma prática espiritual e de meditação que foi perseguida pelo regime comunista chinês desde 1999.

A Sra. Guo Zhiping, 60, e a Sra. Chen Xiumei, 63, foram presas em 4 de março de 2020, por distribuir informações sobre o Falun Gong. A Sra. Guo foi jogada ao chão por vários jovens policiais durante sua prisão. Ela e a Sra. Chen foram mantidas no Centro de Detenção da Cidade de Baoding desde então.

O Tribunal do Condado de Gaoyang realizou uma audiência pela primeira vez em 6 de novembro de 2020 por meio de uma videoconferência, mas logo a encerrou devido a uma falha técnica.

Em 26 de novembro, o juiz presidente Li Zhiyong foi ao centro de detenção e realizou a audiência dos dois praticantes pessoalmente. Apenas uma pessoa da família de cada praticante foi autorizada a comparecer à audiência.

A Sra. Guo e a Sra. Chen foram levadas algemadas ao tribunal improvisado. Seus advogados exigiram que o oficial de justiça retirasse as algemas, mas o pedido foi rejeitado pelo juiz.

Os advogados dos praticantes entraram com uma confissão de culpa por elas e os praticantes também testemunharam em sua própria defesa.

O juiz condenou a Sra. Guo e a Sra. Chen cada uma a um ano e três meses em 31 de dezembro.

Artigos relacionados em inglês:

Three Hebei Residents on Trial for Their Faith, Two Previously Tortured in Labor Camps

Two Hebei Residents Face Prosecution for Disseminating Information about Their Faith

Ms. Chen Xiumei Sent to Forced Labor Camp Four Times

After Being Detained in Forced Labor Camps Three Times, Ms. Chen Xiumei Sues Her Persecutors

Ms. Chen Xiumei Tortured in Hebei Province Women's Forced Labor Camp

Imprisoned Practitioner Chen Xiumei from Baoding on Hunger Strike to Protest the Persecution

Ms. Chen Xiumei Brutally Tortured at Baoding Labor Camp in Hebei Province