Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Condado de Bin, província de Heilongjiang: mais 19 praticantes do Falun Gong são alvos de prisão em massa em toda a província

25 de Janeiro de 2019 |   Por um correspondente do Minghui na província de Heilongjiang, China

(Minghui.org) Em 9 de novembro de 2018, mais 19 praticantes do Falun Gong do condado de Bin se tornaram alvos de uma prisão em massa na província de Heilongjiang.

O condado de Bin está sob a administração de Harbin e localizado a cerca de 40 quilômetros da capital da província de Heilongjiang.

Foi relatado anteriormente que 17 praticantes de Daqing e mais de 40 de Harbin foram presos no mesmo dia.

Além da sra. Bai Liyan, sra. Song Jiuxiang e sr. Wang De, as vítimas recentemente confirmadas do Condado de Bin incluem 15 mulheres e 4 homens:

Sra. Tan Guiqin, sra. Tan Hongmei, sra. Xu Feng, sra. Li Weiku, sra. Bai Lijie, sra. Huang Jingjie, sra. Wang Xiaorong, sra. Wang Lianquan, sra. Sun Shibo, sra. Wang Yanqin, sra. Qu Shuhua, sra. Zhang Hong, sra. Li Guizhen, sra. Meng Qinglan, e sra. Sun Laowu, sr. Wang Dongzhe, srs. Wang Lianquan, sr. An Guoqiang, e sr. Li Weiku.

A polícia prendeu a maioria dos praticantes por volta das 7 da manhã. As praticantes foram levadas para o Centro de Detenção Feminina de Harbin, e três dos praticantes do sexo masculino foram transferidos para o Centro de Detenção do Condado de Bin. O Sr. Wang Dongzhe foi libertado em 12 de novembro.

Segundo fontes, a polícia de Heilongjiang tem coletado informações sobre mais de mil praticantes do Falun Gong monitorando seus celulares e/ou suas comunicações nas redes sociais antes de realizar a prisão em massa.

Artigo relacionado:

Daqing, província de Heilongjiang: 45 praticantes do Falun Gong são presos em um dia