Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Estudante de doutorado: minha artrite reumatoide desapareceu

12 de Janeiro de 2015 |   ​Por um praticante de Taoyuan, Taiwan

(Minghui.org) Eu sou um estudante de doutorado do primeiro ano numa universidade americana. Pouco depois do Ano Novo Chinês 2004, comecei a sofrer de dores nos dedos e no pulso, o que pareceu ser semelhante a uma tendinite. O médico da universidade diagnosticou isto como uma espécie de aflição muitas vezes sofrida pelos operadores de computador. Eu iniciei a medicação, mas em vez de encontrar alívio, eu sofria com os efeitos colaterais do medicamento, tais como dores de estômago. No final de fevereiro, a dor irradiava nos ombros. No início de março, a dor nas costas e joelho me acordaram em torno das 2 ou 3 horas da manhã. O médico da universidade não pode diagnosticar minha doença. Ele me encaminhou para um médico especializado em reumatologia e imunologia num hospital local mais proeminente. O médico me examinou completamente, mas não pode diagnosticar o problema. Ele sugeriu que se os sintomas durassem três meses, o mais provável seria algum tipo de artrite reumatóide. Essa incerteza me afetou profundamente e minha condição piorou.

Eu freneticamente naveguava pela internet para encontrar todas as informações disponíveis sobre a artrite. Minha pesquisa mostrou que os meus sintomas mais se assemelhavam ao de um certo tipo de artrite reumatóide. Eu mesmo tornei-me incapaz de segurar os palitos com força. No entanto, eu continuava a enviar muitos e-mails a médicos especializados em reumatologia e imunologia em hospitais de grande porte em todo Taiwan, em busca de respostas. A maioria deles respondia que: "Você pode ter artrite reumatóide, mas não podemos diagnosticá-la sem vê-lo em nosso escritório em Taiwan." Essa notícia me deixou muito infeliz. Minha condição continuou a deteriorar-se e eu achei difícil andar. Esta doença geralmente ataca as articulações primeiro. As articulações podem deformar-se gravemente, então, pode atacar o coração. Depois de alguns anos ou talvez décadas, o paciente pode morrer. Meus pais têm aproximadamente 60 anos e têm uma pensão limitada para si e meus outros dois irmãos. Seria um grande fardo para eles se tivessem de pagar as despesas médicas da minha doença. Eu estava cheio de desespero por causa da dor que estava sofrendo. Dei uma última olhada nos materiais que eu havia coletado na internet sobre a artrite reumatóide. De repente, algo chamou minha atenção. Encontrei um artigo num site de alguém que tinha se curado de artrite reumatóide. Eu rapidamente peguei esse artigo, que foi escrito por um praticante do Falun Dafa na China. Eu nutri grandes dúvidas. Isso poderia ser verdade? Então, eu vi todos os artigos sobre esse site. Eu li que o câncer, a proliferação óssea e outras doenças estranhas foram curados mediante a prática do Falun Gong. Uma grande esperança cresceu no meu coração. Eu pensei que deveria estudar o Falun Gong o mais rapidamente possível, já que é tão milagroso. Eu procurei na internet usando a palavra-chave “Falun Gong”. Eu encontrei links de sites de Hong Kong para sites em todo o mundo. De lá eu encontrei os nomes das pessoas a contatar em muitas universidades nos EUA. Eles ofereciam aulas gratuitas do Falun Gong. Uma surpresa para mim foi que o assistente voluntário do Falun Gong na minha universidade era um ocidental! Eu imediatamente enviei um e-mail para contatá-lo, mas não conseguiu encontra-lo. Eu me perguntei se ele talvez houvesse já se formado.

Eu estava perdido, mas continuei procurando. Encontrei no site de Hong Kong do Falun Gong os vídeos instrutivos para os cinco conjuntos de exercícios do Falun Gong. Seguindo as sugestões dos companheiros praticantes, eu ouvi as nove palestras do Mestre Li na internet.Eu baixei o livro Zhuan Falun, o livro principal do Falun Gong e o li uma vez.

Depois de ler o Zhuan Falun pela primeira vez havia muitas dúvidas na minha mente. Alguns dos termos pareceram-me bastante supersticiosos, mas, seguindo as sugestões dos outros praticantes que encontrei no site, eu aprendi que o Zhuan Falun ensina as pessoas a melhorarem o seu caráter. Ao assistir os vídeos das palestras do Mestre Li, adormeci no início. No entanto, fiquei profundamente impressionado com o sorriso do Professor e os incansáveis esforços em ensinar as pessoas a serem boas. O que foi incrível é que na segunda noite depois que eu aprendi os exercícios e formalmente comecei a praticar, uma grande quantidade de calor surgiu e tive que tirar minhas cobertas no meio da noite. No dia seguinte, o terrivel mau hálito da doença tinha desaparecido.

Eu pratiquei mais diligentemente. Agora eu podia dormir bem e tinha um bom apetite. Eu decidi voltar para Taiwan, porque não queria incomodar meus colegas. Eu tinha esperança de novo! Eu sabia que havia muitos praticantes do Falun Gong em Taiwan e eu esperava aprender com eles os detalhes dos exercícios. Cheguei em Taiwan na noite de 13 de abril de 2004 numa cadeira de rodas e voltei para casa por volta das 23 horas. Às 5 horas da manhã em 14 de abril fui ao local de prática na Escola Industrial Agrícola de Taoyuan para fazer os exercícios com os outros praticantes.

Na manhã de 15 de abril de 2004, meus pais me levaram para o Hospital Changgen em Linkou ver um médico. Utilizando os mais recentes testes de diagnóstico, combinados com testes de sangue anteriores, dois professores médicos diagnosticaram minha doença como síndrome de hipermobilidade (dores recorrentes numa série de articulações). Os médicos me disseram que eu iria sofrer de dor pelo resto da minha vida. Eles me disseram que eu não poderia levantar objetos pesados ou fazer trabalho pesado. Foi-me dito que eu seria dependente de analgésicos pelo resto da minha vida. Depois de deixar o consultório médico na cadeira de rodas, lembrei-me de dizer aos meus pais que eu queria praticar o Falun Gong!

No mesmo dia, o meu pai comprou-me uma cópia do Zhuan Falun. Enquanto eu estava lendo o Zhuan Falun pela segunda vez, eu praticava ainda mais arduamente. Na noite de 16 de abril, fui a um seminário de estudo do Falun Dafa. Eu me lembro das palavras de um colega praticante: "Se você puder caminhar até o local de prática você não teria que preocupar seu pai." Então eu entrei em pequenos passos ao local de prática de Taoyuan.

Em 19 de abril, participei da nona palestra do Falun Gong. Pontos vermelhos apareceram no meu pescoço, acompanhado de coceira insuportável. Eu os ignorei e pratiquei o quinto exercício, a meditação sentada, embora sentisse a coceira. Cerca de uma semana mais tarde, os pontos vermelhos no meu pescoço desapareceram, embora eu ainda podia sentir um pouco de dor no meu joelho, eu já podia andar como uma pessoa normal. No começo, eu só poderia fazer a meditação por 10 minutos. Agora eu posso fazê-la durante 50 minutos. Meus tios e os amigos da minha mãe começaram a praticar o Falun Gong depois de ver as minhas alterações. A difamação do Falun Dafa por Jiang Zemin e seus seguidores na China é uma propaganda que tem enganado muitas pessoas. Agora que sou mais feliz tendo me tornado um praticante do Falun Gong, vou praticar diligentemente. Vou fazer o meu melhor para que mais pessoas saibam da verdade sobre a perseguição ao Falun Gong na China e dos incríveis poderes de cura do Falun Gong.