Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Califórnia: "Eu tive uma experiência incrível ao participar do workshop de exercícios do Falun Gong!"

2 de Julho de 2019 |   Por um correspondente do Minghui nos EUA

(Minghui.org) “Eu tive uma experiência incrível ao participar do workshop de exercícios do Falun Gong!”, compartilhou a Sra. Li depois de assistir à aula em 22 de junho de 2019 na Biblioteca Principal de Fremont, em Fremont, Califórnia. Na verdade, ela quase não compareceu ao workshop, mas ficou tão feliz por ter tomado a decisão de vir de última hora.

Os alunos aprendem os exercícios durante um workshop do Falun Gong na Biblioteca Principal de Fremont.

Um sonho muda seus planos

A Sra. Li comprou um bilhete para viajar para um país estrangeiro para uma aula de meditação, mas cancelou a viagem depois que sua filha teve um sonho no qual viu a mãe cair do avião a caminho daquele país estrangeiro.

A Sra. Li disse que sua filha pediu que mudasse seus planos porque ela era a única passageira no avião que caira no oceano no sonho.

A Sra. Li havia recebido um folheto sobre o workshop de exercícios do Falun Gong na biblioteca e estava pensando se deveria participar do workshop ou da aula de meditação em outro país. O sonho de sua filha ajudou-a a tomar a decisão de participar do workshop do Falun Gong.

Procurando pelo propósito da vida

A Sra. Li disse que sempre se perguntou sobre o propósito da vida: trabalhamos muito para ganhar dinheiro, mas não importa o quanto somos ricos, não podemos levar nada conosco quando morremos. Por que estamos aqui?"

Ela assistiu a um programa na NTD TV e aprendeu como as pessoas se beneficiaram com a prática do Falun Gong. Então ela entrou online e encontrou o site do Falun Dafa onde ela encontrou a aula em Fremont. Ela também descobriu todos os ensinamentos e os vídeos dos exercícios do Falun Gong, disponíveis gratuitamente.

Durante o workshop, os praticantes do Falun Gong ajudaram a Sra. Li a corrigir alguns de seus movimentos enquanto fazia os exercícios. Ela disse que quando fazia os exercícios, muitas vezes sentia vontade de chorar e às vezes suas lágrimas escorriam pelo rosto. “Quando faço os exercícios aqui com os outros, a energia é mais forte do que quando os faço em casa. Eu continuarei fazendo os exercícios”.

Impressionada pelos praticantes do Falun Gong

Apesar dos grandes benefícios e popularidade do Falun Gong, a prática tem sido brutalmente perseguida na China, seu país de origem, pelo regime comunista chinês, desde 1999. A Sra. Li disse que nunca acreditou na propaganda do regime comunista chinês que difama o Falun Gong. Ela explicou que, como sua família era proprietária de terras na China antes que o Partido Comunista Chinês (PCC) usurpasse o poder, eles foram alvo de perseguição. A situação se tornou ainda mais difícil durante e após a Revolução Cultural. “Meus avós eram muitas vezes perseguidos. Apesar das ameaças e propaganda, recusei-me a acreditar no PCC. [O PCC] está podre desde seu interior!

Na China, um de seus amigos e um vizinho eram praticantes do Falun Gong. A Sra. Li os conhecia como pessoas muito gentis e moralistas. Seu vizinho vendia chá e todos compravam dele. “Porque ele praticou o Falun Gong, ele nunca mente. Sua família é muito honesta. De fato, a maioria das pessoas ao meu redor sabia que os praticantes do Falun Gong são pessoas gentis.”

Embora a Sra. Li tenha uma grande consideração pelos praticantes, ela explicou: “Eu nunca pensei em praticar o Falun Gong até que eu os vi na NTD TV. Eu me senti muito bem depois de fazer os exercícios e recomendei aos outros”. A Sra. Li disse que depois de ler o livro, o Falun Gong, ela teve uma ideia mais clara do significado da vida.

Algumas pessoas participaram do workshop na biblioteca naquele dia. Assim como a Sra. Li, elas disseram que também sentiram forte energia durante os exercícios e sentiam-se muito confortáveis e relaxadas. Um menino de 2 anos contou à mãe que viu um grande Buda na tela de vídeo da sala de aula.

Outra participante do workshop, Amy, já havia ouvido falar sobre o Falun Gong antes. Seu colega de trabalho é praticante e é muito saudável. "Ao contrário de mim, que eu tenho todos os tipos de dores", explicou ela. Amy disse que se sentiu bem depois de aprender os exercícios. Ela acrescentou: “Estou curiosa sobre [os resultados] da prática. Eu continuarei fazendo os exercícios”.

A Sra. Liang, de São Francisco, também participou do workshop. Ela ficou muito feliz depois de fazer os exercícios. "Eu senti a energia e senti calor quando fiz os exercícios", compartilhou ela. A Sra. Liang planejou comprar os DVDs de exercícios para que ela possa continuar praticando em casa. Ela está preocupada com a perseguição aos praticantes do Falun Gong na China e com seus direitos humanos. Ela disse: "É preciso prestar atenção e não ser enganado pela propaganda do PCC."