Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Lago do Sol e da Lua em Taiwan: turistas manifestam apoio ao Falun Gong (Parte 9)

8 de Maio de 2019 |   Pelo correspondente Xia Yun

(Minghui.org) (continuação da Parte 8)

O templo de Wenwu foi construído no Lago do Sol e da Lua em 1969, no estilo dos palácios do norte da China. O templo é uma estrutura grande e imponente de onde as pessoas podem ver o lago todo.

Templo Wenwu nas margens do Lago Sol e Lua.

Falun Gong dá as boas vindas no ponto turístico do Lago do Sol e da Lua

Em 2008 quando a China continental começou a permitir que chineses visitassem Taiwan, o Lago do Sol e da Lua e seu templo tornaram-se um local de parada obrigatória para os turistas chineses.

Neste ponto turístico, em Taiwan, durante todo ano os praticantes do Falun Gong esclarecem a verdade sobre a perseguição ao Falun Gong aos visitantes chineses e a outros.

Do lado de fora do portão do templo existe um deck para observação onde os turistas podem tirar fotos. Este é também o local onde os praticantes do Falun Gong montam expositores, distribuem panfletos e demonstram os cinco exercícios dessa prática de cultivo.

Os expositores mostram os valores do Falun Gong (também chamado Falun Dafa) e fornecem informações sobre a brutal perseguição ao Falun Gong na China. Há também um lugar onde os visitantes podem assinar uma petição para ajudar a acabar com a perseguição.

Alguns turistas expressaram seu apoio e respeito pelos esforços dos praticantes, assinaram a petição, aprenderam os exercícios e alguns turistas chineses renunciaram o partido comunista chinês (PCC) e suas organizações juvenis.

Expositores com informações precisas sobre o Falun Gong

Turistas chineses leem as informações nos expositores.

Os turistas assistem e tiram fotos da demonstração de exercícios do Falun Gong.

Um turista explica detalhes sobre a perseguição ao filho.

Praticante taiwanês apresenta o Falun Gong aos turistas

Por quase uma década o praticante Jun-hsian tem sido uma grande ajuda para os turistas. Ele disse que os moradores locais, a polícia, o pessoal da administração do templo, os guias turísticos e os motoristas de ônibus agora entendem a importância da presença dos praticantes e frequentemente apoiam e ajudam os praticantes em seus esforços com o esclarecimento da verdade. Frequentemente quando um ônibus chega o guia leva o grupo de turistas para a área de exibição e apresenta o Falun Gong.

Desde jovem Jun-hsian era interessado no cultivo. Desde que começou a praticar, ele se beneficiou do Falun Gong, tanto física como mentalmente. Ele diz que a maneira dele trabalhar as questões e o modo de resolver problemas são diferentes do passado. Disse que sua mente subiu para um nível mais elevado. Ao testemunhar suas mudanças, sua esposa também começou a praticar o Falun Dafa.

Já se passaram oito anos desde que Jun-hsian começou a esclarecer a verdade sobre o Falun Dafa para os turistas. No começo, ele se sentiu fisicamente desconfortável por causa das altas temperaturas.

Seu coração se iluminou quando viu um grupo inteiro de turistas se reunindo em torno de uma caixa de som para ouvir histórias sobre o Falun Gong. A sede dos turistas chineses por ouvir a verdade o encorajou a voltar ano após ano.

Turista chinês: eu apoio vocês!

Ele compartilhou a história de um recente encontro com um homem de Pequim. Quando ele falou sobre os cruéis atos cometidos pelo PCC, o homem o desafiou: “Explique sobre o partido não fazer nada de bom”.

Jun-hsian explicou que o PCC faz tudo pelos interesses do partido e não pelo povo. Ele falou sobre as intermináveis campanhas do partido que mataram milhões de chineses, incluindo seus próprios membros. Agora, para doutrinar as pessoas em sua ideologia, o PCC disfarça suas intenções sob o nome de Confúcio. Ele falou sobre os incontáveis incidentes que prejudicaram as pessoas, incluindo a fórmula envenenada infantil, vacinas venenosas e restaurantes que reciclam óleo de drenagem para cozinhar alimentos. Resumindo, o partido está interessado apenas em sua sobrevivência e não com o que acontece com o povo chinês.

O homem agradeceu e disse: “Eu apoio vocês. Você me ajudou a entender tudo o que foi dito por você. Vou contar aos meus amigos e parentes também”.

Turista de Pequim: Você é realmente incrível!

Um chinês, que ficou irritado ao ler os cartazes exibidos sobre a tirania perpetrada pelo PCC, perguntou a Jun-hsian: "Você quer dizer que todos os membros do Partido Comunista são pessoas más?"

Jun-hsian respondeu: “Nós viemos aqui por pessoas boas como você. Há muitas pessoas boas no partido. Depois de aprender a verdade, você não seguirá cegamente as ordens e fará coisas ruins. Pessoas más receberão retribuição. As pessoas que se juntaram ao Partido devem parar e cortar o relacionamento para evitar serem implicadas quando o Partido perde o poder.

O turista, que era de Pequim, disse acreditar nisso. Ele disse: "Você é realmente incrível!"

Turista do Vietnã: o Falun Gong é realmente bom

O praticante Jiong-fa também dirige três horas por dia para chegar ao Lago do Sol e da Lua. Ele queria falar em prol do Falun Gong e ajudar os turistas chineses a entender os fatos e não acreditar mais na propaganda do partido.

Ele disse que a prática do Falun Dafa o ajudou a tornar-se mais tolerante. No passado ele costumava discutir com a esposa, mas agora entende suas dificuldades. Então ele mudou e agora ajuda nas tarefas domésticas. Sua família se tornou harmoniosa e apoia sua ida ao lago Sol Lua.

Quando os praticantes vão ao Lago do Sol e da Lua levam panfletos em várias línguas. Um dia, um homem do Vietnã não entrou no templo de Wenwu, mas leu os expositores.

Quando Jiong-fa lhe deu um panfleto, ele disse: "O Falun Gong é realmente bom”. Ele disse que estudou em Pequim e visitou Taiwan várias vezes. "A China é exatamente o que você descreveu aqui. Um regime comunista que controla a mente das pessoas, reprime as pessoas, e o Falun Gong é um dos seus alvos (sendo perseguido)".

No mês passado, enquanto um homem do interior da Mongólia lia os expositores, ele comentou: "O que está escrito nos expositores está correto. As autoridades chinesas são muito corruptas. Os chineses os desprezam. Mas não importa quem aceita a posição do partido, desde que eles sejam comunistas, não terão uma vida boa ".

Turista de Hong Kong: o Falun Gong é o grupo de pessoas mais perseverante

A praticante Bi-yao regularmente tem ido ao Lago nos últimos anos. Um homem de meia-idade uma vez se aproximou dela e disse: “Eu sou de Hong Kong. Eu acho que vocês são o grupo de pessoas mais perseverantes que já vi. ”

Alguns dias atrás, um turista chinês pegou um panfleto, aproximou-se dela e disse: “Mao Zedong cometeu muitas más ações”. Bi-yao respondeu: “O partido chinês também cometeu muitas más ações. Não vai durar” O homem concordou e disse: “Vocês (praticantes) merecem crédito por isso”.

Coletando assinaturas

Uma praticante (com capa de chuva amarela) coleta assinaturas em uma petição para parar a perseguição ao Falun Gong.

Sra. Yu, uma praticante idosa, coleta assinaturas em uma petição pedindo o fim da perseguição ao Falun Gong. Ela já coletou mais de 2 mil assinaturas até o momento.