Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Brasil: Exposição de Arte Verdade- Benevolência-Tolerância ressoa com o público de todas as idades

7 de Maio de 2018 |   Por um praticante do Falun Dafa no Brasil

(Minghui.org) Recentemente, os praticantes do Falun Dafa no Brasil realizaram a Exposição de Arte Verdade-Benevolência-Tolerância nos corredores das estações de metrô. Um grande número de pessoas admirou as obras de arte e recebeu materiais informativos todos os dias durante a exposição de três meses.

A Exposição de Arte Verdade- Benevolência- Tolerância, realizada nos corredores das estações de metrô do Brasil.

Estudantes do ensino médio admiram a coragem dos praticantes do Dafa

Muitos alunos do ensino médio ficaram maravilhados com as pinturas. Alguns deles trouxeram mais colegas para visitar. Alguns escolheram o Falun Dafa e a perseguição do Partido Comunista Chinês (PCC) como seus temas de redação para suas tarefas de estudos sociais.

Depois de ver a exposição, Renato, um estudante do ensino médio, disse: “Eu senti uma energia poderosa penetrando fundo no meu coração”. Ele ficou grato por ter visto a exposição e disse que planeja aprender o Falun Dafa.

Daniel (o primeiro à direita) chora ao ver pinturas retratando a brutal perseguição do PCC contra os crentes espirituais.

Um estudante do ensino médio chamado Daniel parou para ver as pinturas enquanto voltava para casa depois da escola com um grupo de amigos. Eles estavam rindo e brincando, mas logo ficaram muito quietos. Daniel enxugou as lágrimas enquanto estava diante da pintura "Extração Forçada de “Órgãos". Ele disse a um praticante: “A perseguição desumana do PCC a esses crentes retos deve ser condenada. Eu admiro a coragem dos praticantes do Falun Dafa!”

Presentes preciosos para crianças

Como o dia 12 de outubro é o Dia das Crianças no Brasil, muitos pais levaram seus filhos para comemorar. Muitos pais e crianças pegaram o metrô e se depararam com a exposição de arte.

Um pai observa uma das pinturas.

Uma mãe e um filho observaram as pinturas silenciosamente e depois foram à mesa de assinaturas. A mãe disse: “Essas pinturas são tão especiais. Os pés do meu filho pareciam estar colados ao chão diante de cada pintura. Ele nunca ficou assim antes.”

Stelhono e sua mãe leem as informações da exposição.

Uma mãe e seu filho Stelhono ficaram hipnotizados pelas obras de arte. A mãe se informou sobre o aprendizado da prática e Stelhono disse: “Verdade-Benevolência-Tolerância. Eu me lembrarei. Obrigado!"

Exposição de arte forma laços cármicos com os visitantes

Roblim, um horticultor, disse: “Eu venho aqui uma vez por semana e tenho muita sorte de ver pinturas tão incríveis hoje. Eu quero saber mais sobre essa prática de cultivar mente e corpo”.

Roblim disse que ele foi atraído pela arte, bem como pela prática do Falun Dafa.

Mais tarde, ele disse: “Hoje fiquei muito tocado depois de ver as obras de arte e conversar com você.” O praticante disse: “Esse método de prática do Falun Dafa pode gradualmente abrir a memória dos praticantes e enriquecer sua sabedoria. O fundador da prática nos diz que isso é chamado de retorno ao eu original e verdadeiro.” Roblim ficou satisfeito e disse que entraria na Internet para ler o Zhuan Falun.

Carmen Luiza, uma professora de psicologia infantil, disse que todo mundo precisa de Verdade, Compaixão e Tolerância.

Carmen Luiza, professora de psicologia infantil, veio de uma cidade do sul do Brasil visitar sua filha. Depois que ela terminou de ver as pinturas, ela disse: “Todos neste mundo precisam de Verdade-Benevolência-Tolerância. Eu definitivamente vou ficar on-line para ler o livro e aprender os exercícios assim que eu voltar para casa.”

O local de exercício do Parque Brasília, Glaucia está de camisa azul na fila da frente.

Glaucia deveria se encontrar com uma professora na estação do metrô. No entanto, enquanto esperava por cerca de duas horas ela observou as pinturas. Ela ficou surpresa ao descobrir que existe um método de cultivo que pode restaurar a saúde e também abrir a própria sabedoria. Ela disse: “Hoje é realmente incrível. Talvez não seja uma coincidência que minha professora nunca tenha aparecido.” Depois que ela terminou de ver todas as pinturas, ela marcou com um praticante para se encontrar no parque para aprender os exercícios do Falun Dafa.

Depois de ver as pinturas, a Sra. Shirlei disse que a fé pura vai superar todo o mal.

A Sra. Shirlei foi ao salão da plataforma e começou sua jornada silenciosa de aprendizado sobre o Falun Dafa. Ela disse: “Agora entendo a origem de tantos fenômenos degenerados neste mundo. É porque no coração das pessoas falta verdade, compaixão e tolerância”. Ela também disse: “O poder da fé pura é enorme e forte, inabalável por qualquer mal”.

Vera, uma fisioterapeuta, disse que esta pintura tocou a parte mais profunda de seu coração.

Vera é uma fisioterapeuta cuja pintura favorita da exposição foi "Entrar no Reino Divino com Pureza". Ela disse: “Esta pintura toca a parte mais profunda do meu coração. A energia é tão grande que me tirou o fôlego. O artista não estava no reino mundano; ela deve ter estado em outro reino quando criou esta pintura. É maravilhoso!"

Ela disse que iria ler online o Zhuan Falun e ir ao parque para aprender os exercícios nos finais de semana.

Stephanie ficou impressionada com a beleza e a tranquilidade do Falun Dafa.

Stephanie ficou alarmada ao saber da brutalidade da perseguição, especialmente a extração forçada de órgãos de praticantes presos. Ela disse: “Eu simplesmente não consigo acreditar! É sem precedentes!” Ela ficou impressionada com o forte contraste com a beleza e tranquilidade do Falun Dafa.

Sua pintura favorita foi "Quem sou eu?" Ela explicou: “Eu gosto mais dessa pintura, com tanta beleza e profundo significado interno. Eu quero entrar no mundo do Falun Dafa e saber qual é a razão da vida e como alcançar o verdadeiro significado da vida!”