(Minghui.org) Um praticante do Falun Dafa de 79 anos estava conversando com sua família quando seu rosto começou a ficar torto em 28 de maio de 2015. Ele não sentia que algo estava fora do comum, mas seus familiares temiam que algo ruim poderia acontecer. Chamaram imediatamente os seus dois filhos, na esperança de que iriam levá-lo a um hospital para um check-up.

O homem compreendeu que este era apenas um sintoma, por isso ele enviou fortes pensamentos retos, pedindo que o fundador do Falun Dafa, a quem os praticantes chamam de Mestre, lhe desse a força para negar o que o estava afetando.

Seus filhos exigiram que ele fosse para o hospital, mas ele disse-lhes que um cultivador do Dafa deve ser cuidado por seu Mestre. Ele explicou que o sintoma era uma manifestação que pretendia testar sua fé.

Finalmente, sua família chamou seu filho mais velho, que é um funcionário no Hospital Provincial Militar.

Este filho pediu ao pai para ir à sua casa por alguns dias e, enquanto ficasse lá, ele poderia obter um check-up. Se nada estivesse errado, ele poderia voltar para casa.

Ele tinha feito um check-up no hospital provincial e os testes mostraram que não havia nada de errado com ele. Mas o médico estava com medo de que algo pudesse acontecer posteriormente e queria interná-lo por alguns dias. No entanto, ele não podia fazer nada quando o homem queria sair. Para aliviar a mente de seu filho, ele concordou em ficar na sua casa.

Quando o pai e filho jantaram no local, eles caminharam para o restaurante. O filho estava cansado e sem fôlego, enquanto seu pai, apesar de sua idade avançada, parecia cheio de energia e não estava cansado.

Vendo isso, seu filho mais velho começou a admirar o Dafa. Depois que ele deixou seu pai sair da casa, ele lhe disse para praticar bem e sugeriu a sua própria família que eles praticassem o Falun Dafa. Ele comprou uma cópia do Zhuan Falun, o principal livro do Falun Dafa, e começou a lê-lo.