Falun Dafa Minghui.org www.minghui.org IMPRIMIR

Esclarecer a verdade para o povo chinês de forma compreensiva e de maneira mais profunda e refinada

31 de Outubro de 2001 |  

(Minghui.org) Desde Maio deste ano, discípulos de Dafa ao redor de todo o mundo têm usado pensamentos retos para efetivamente limpar as várias dimensões dentro dos Três Reinos. A rede de influência do mal já foi destruída quase até o ponto da extinção. Eles costumavam arrogantemente ostentar seu poder, mas agora estão apenas mal e mal dependurados. Embora o sistema 6-10 da China Continental, os campos de trabalho forçado, as sessões de lavagem cerebral em certas regiões, e algumas embaixadas e consulados chineses localizados no estrangeiro estejam continuamente empenhados na vil perseguição e difamação de Dafa, essa última exposição irracional de determinadas gangues de criminosos políticos violentos no reino humano é apenas mais uma manifestação da natureza maligna destes. Esse tipo de atuação pode apenas continuar permitindo que mais pessoas no mundo vejam a verdade e mais cultivadores façam progresso para Alcançar a Perfeição. O que será trazido às pessoas más, por elas mesmas, pode somente ser uma punição ainda mais severa e sua destruição final.

Atualmente, a missão mais importante de todos os discípulos de Dafa é a retificação do Fa, e o ponto crucial da retificação do Fa é esclarecer a verdade. Não importa em que tipo de ambiente se está, cada um dos e todos os discípulos de Dafa têm a responsabilidade de esclarecer a verdade ao círculo de pessoas ao seu redor. O esclarecimento da verdade dos discípulos de Dafa sob a orientação de poderosos pensamentos retos tem um efeito vitalmente importante em meio à retificação do Fa, porque mentiras, difamações e bloqueio da verdade, são a fundação da qual o mal depende a fim de permanecer existindo. Quaisquer seres nos quais ainda existam pensamentos retos, sem importar como tenham sido enganados pelas mentiras e quão teimosos possam parecer, ao se darem conta da verdade, seus espíritos ficarão chocados e inclusive seus campos físicos passarão por uma mudança em sua própria natureza. São os bilhões desse tipo de mudança que estão limpando o ambiente do qual as forças do mal dependem para existir. A eliminação do mal dos discípulos de Dafa é para proteger as pessoas do mundo e os seres conscientes. O esclarecimento da verdade é salvar seres conscientes, porque depois que as substâncias más que controlam e interferem com a humanidade forem limpas, as pessoas que entenderam a verdade e assim despertaram irão novamente estabelecer pensamentos retos. Elas irão se opor ao mal, proteger os discípulos de Dafa e ajudar a transmitir a verdade dentro do alcance de suas habilidades e desse modo, estabelecer uma fundação para seu próprio maravilhoso futuro.

O corpo principal de discípulos de Dafa está na China Continental. Muitas pessoas de boa qualidade inata, através da reencarnação, estão reunidas na China Continental e o dano feito pelo mal está concentrado na China Continental. Assim, esclarecer a verdade para o povo chinês de forma mais compreensiva e de uma maneira mais profunda e refinada diz respeito ao quadro geral do progresso da retificação do Fa, diz respeito ao futuro do novo cosmos e ao futuro da nova humanidade, e no momento é a missão primária dos discípulos de Dafa na retificação do Fa. Essa é uma tarefa da mais grande urgência e não é para ser perdida nem por um momento.

No decorrer dessa grandiosa e solene retificação do Fa, as várias nacionalidades e grupos étnicos que compõem os discípulos de Dafa, tanto na China Continental como no exterior, são um corpo e no quadro mais amplo da retificação do Fa cada um tem seu efeito vital e indispensável. No presente, precisamos utilizar mais completamente as vantagens pessoais de cada pessoa e as condições externas. Por meio de vários diferentes tipos de maneiras (especialmente a ampla troca de informação, atividades de negócios, trocas culturais, cooperações econômicas, turismo e interação social, distribuição por mídia, grupos e associações de comunidades e redes sociais que já existam), e vários tipos de métodos (tais como rádio, televisão, gravações de áudio, filmagens, jornais e periódicos, revistas, telefones, faxes, cartas, emails, informação na internet, fóruns, cartazes, folhetos, propaganda, etc.), nós precisamos de forma resoluta, destemida, racional e sábia encontrar maneiras de trazer a verdade para o maior número possível de pessoas (incluindo indivíduos, grupos, associações sociais, departamentos administrativos do governo e as famílias, amigos, colegas de classe, de trabalho e vizinhos dos discípulos de Dafa). Precisamos ajudar as pessoas a entenderem claramente a verdade, a ver através das mentiras e remover a influência e o controle do mal de modo que o respeito por Dafa e a admiração pelo elevado reino de Verdade - Compaixão - Tolerância surjam das profundezas de seus corações.

O processo da retificação do Fa está rapidamente sendo forjado adiante a uma velocidade que não pode ser descrita usando a linguagem humana. Durante essa preciosa fase final, deixemos nossos discípulos de Dafa, tanto dentro como fora da China, unirem forças como com uma mente. Não espere por e não dependa de outros. Agarre-se a cada minuto e a cada segundo. Explique a verdade para ainda mais chineses de modo oportuno e os ajude a terem a oportunidade mais rara e importante de suas vidas. Ao mesmo tempo, através desse processo, devemos entender o Fa desde dentro do Fa todas as vezes, cultivar para dentro com o Fa como professor, constantemente corrigindo todas as noções humanas comuns e pensamentos tortos que residem em nossas mentes e usar pensamentos retos para nos livrarmos da interferência externa. Vamos verdadeiramente dar um passo para fora da condição humana, cultivar para uma iluminação grandiosa e reta, que é misericordiosa e sábia, para um estado sem egoísmo e sem eu, primeiro considerando os outros e depois nós mesmos. Vamos criar mais maravilhas para o futuro de modo que a história da retificação do Fa seja ainda mais magnífica e gloriosa.

31 de outubro de 2001.